Conheça a primeira cidade vegetariana do mundo

Palitana-2 goista

Esse post é especial para uma amiga nossa que irá fazer uma viagem a Índia esse ano. E não teve como não lembrar de todas as vezes que o discurso da “tradição” e da religião para justificar a manutenção de ações que desrespeitam o direito individual moral dos animais já foram invocadas. Rodeios, touradas, sacrifícios religiosos, zoológicos, tradição gastronômica,… E se a tradição fosse usada agora para o contrário? Para suscitar o respeito a vida dos animais não-humanos? Foi o que aconteceu na Palitana pelos Jainistas.

Palitana é uma cidade do distrito de Bhavnagar, que se encontra no Sudeste da Índia e considerada a cidade sagrada de peregrinação para os jainistas. Jainismo é uma das mais antigas religiões da Índia e seus membros somam aproximadamente cinco milhões de adeptos. Os seguidores da religião adotam uma dieta estritamente vegetariana, pois todos seguem o princípio da não-violência. Na Índia, jainistas têm a maior taxa de alfabetização de qualquer outra religião e os seus membros são muitas vezes pessoas de negócios bem sucedidos e comerciantes.

POIS ENTÃO…

Na cidade de Palitana, na Índia, está proibida a venda de qualquer tipo de carne animal ou ovo para consumo. E mais: criar bichos para abate dentro do município também virou crime – mesmo se os produtores tiverem a intenção de exportar a carne para outros lugares.

Sim, lá é lei! O conjunto de leis serve para nos organizarmos enquanto sociedade e assegurar os direitos de cada um, sendo isso os deveres de outros. As lei evoluem ao longo do tempo junto com a sociedade, e o direito dos animais está cada vez mais sendo representado nelas, para que sejam respeitados pela população.

A decisão foi tomada pelo governo, depois que cerca de 200 monges jainistas fizeram greve de fome para protestar contra o assassinato de animais na cidade. Segundo eles, Deus deu o direito de viver a todos os seres vivos e não cabe ao ser humano matar bichos para satisfazer uma vontade sua. Bom, quem é vegetariano sabe o quão isso é desnecessário para a espécie humana, e que viver sem carne não é nenhum bicho de sete cabeças, né.

Esforços da comunidade Jainista para ter Palitana livre de violência, datam de vários anos. Eles têm até oferecido uma compensação financeira a restaurantes e vendedores de alimentos que vendem carne ou ovos para mudar seu comércio.

No Trip Advisor tem algumas dicas turísticas da cidade.

Referências: Yogui, Oas e Etica.me

Anúncios

5 comentários sobre “Conheça a primeira cidade vegetariana do mundo

  1. Parabéns aos Jainistas e a cidade de Palitana, pois dão exemplo do respeito entre os seres viventes, os seres criados por DEUS. Me tornei vegetariano por amar os animais e não concordar que eles morram para alimentar os homens, pois não há nenhuma necessidade disso, os vegetarianos vivem muito bem sem carne.
    Um dia (espero que em breve), mas e mais seres humanos entenderão que devemos respeitar a vida, respeitar os animais, e teremos várias “Palitanas” pelo planeta.

  2. Pingback: As 10 melhores cidades do mundo para vegetarianos | Vegetariando por Aí

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s